Últimas Notícias


quinta-feira, 12 de março de 2020

Coronavírus: Caiado assinará decreto para alterar horários de aulas e ônibus

As medidas do decreto devem ser anunciadas hoje, e serão tomadas como meio de prevenção contra o novo coronavírus. Atualmente, Goiás tem 17 casos suspeitos.


Foto: Reprodução


12/03/2020, 08h10 


A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou, na última quarta-feira (12/3), estado de pandemia do novo coronavírus (COVID-19). O sinal de alerta, que já estava ativo, agora se intensificou. Visando buscar meios de prevenção contra o vírus, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), deve assinar nesta quinta-feira (12/3) um decreto em que determinará algumas alterações na rotina do estado, como mudanças de horários de aulas e ônibus e até suspensão de eventos. Atualmente, Goiás tem 17 casos suspeitos e 28 descartados.
Segundo adiantado na coluna de um veículo local, as medidas serão tomadas pelo governador como meio de prevenir o avanço do novo coronavírus. As ações devem ser anunciadas hoje, quinta-feira. Para isso, Caiado já entrou em contato com o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, adiantando as medidas que serão implantadas. Haverá, ainda, uma reunião entre os dois políticos para falar sobre a questão.

O decreto que será assinado por Caiado estabelecerá o escalonamento de horários de início e fim de expediente no serviço público, com respectivas adequações no transporte coletivo. Alterações no horário de aulas das escolas e universidades também devem constar no decreto. Haverá solicitação de adesão por parte da iniciativa privada quanto às novas medidas. O principal objetivo é evitar ou minimizar aglomerações.

Ações em decreto contra coronavírus foram discutidas por Caiado com os demais órgãos

Na tarde de ontem, Caiado discutiu as medidas do decreto com representantes da Assembleia Legislativa de Goiás, Tribunal de Justiça, Ministério Público e da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), numa reunião emergencial.
Além disso, o governador deve, também, investir em campanhas informativas a respeito do novo coronavírus.
Nas últimas duas semanas, conforme a OMS, o número de casos fora da China aumentou 13 vezes e o número de países afetados triplicou. São mais de 118 mil casos ao redor do mundo e 4.291 mortes. Atualmente, Goiás está com 17 casos suspeitos. 28 já foram descartados.


Fonte: O Popular 


Via: Dia Online

fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG