Últimas Notícias


quarta-feira, 11 de março de 2020

Diretora do Câmpus vence o concurso Mulher de História

Professora Maria Betânia Gondim da Consta obteve 848 votos; solenidade de premiação ocorreu na manhã desta terça-feira, 10.



A professora e Diretora-Geral do Câmpus Senador Canedo do Instituto Federal de Goiás (IFG) Maria Betânia Gondim da Costa venceu, com 848 votos, o concurso “Mulher de História”, realizado pela Câmara Municipal de Senador Canedo. A cerimônia de revelação do resultado aconteceu durante a manhã desta terça-feira, 10, no plenário da Câmara. Em segundo lugar, com 297 votos, ficou Lucinha das Carteirinhas; e em terceiro, com 266 votos, Vânia Bandeira.

A educadora, psicóloga e gestora recebeu o certificado das mãos do presidente da Câmara, Reinaldo Alves. Inicialmente, Maria Betânia disse que o reconhecimento que recebeu deve ser estendido a todas as mulheres que atuaram e atuam na defesa de um futuro sem violência contra a mulher, sem desigualdade entre homens e mulheres e discriminações de qualquer espécie.

 “Reconhecer a história das mulheres, a diferença que elas podem fazer na sociedade, isso é muito significativo para as novas gerações, porque vai incentivar as futuras grandes mulheres a construírem suas histórias”, contou Maria Betânia, acrescentando que, mais do que esta projeção para o futuro, projetos como o Mulher de História, faz com que “os homens comecem a perceber que as mulheres, assim como eles, são capazes de administrar, de gerir, além de amar”, ressaltou.

 O concurso foi proposto pela vereadora Marcelita Manze e tem como objetivo celebrar o Dia Internacional de Mulher, dia 8 de março, homenageando mulheres que tenham contribuído/contribuam para o crescimento, desenvolvimento, qualidade de vida e outras diversidades na cidade de Senador Canedo.

“Independente do resultado, vocês já são vitoriosas, porque vocês cumprem um papel nessa cidade, seja ele em qualquer segmento, na área da criança e do adolescente, na diversidade, na justiça social, enfim. Vocês fizeram e fazem história na nossa cidade. O meu muito obrigado a todas”, pontuou a vereadora Marcelita Manze.

O presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Reinaldo Alves, ressaltou que o concurso, de um lado, é um reconhecimento, mas, de outro, é um convite à participação feminina para a vida pública. “Esse projeto simplesmente é uma demonstração de reconhecimento do Poder Legislativo para vocês, mulheres, que fazem a história de Senador Canedo e também é um convite para que as mulheres engajem na vida pública, para que possam dar a sua contribuição, que possam desenvolver políticas públicas”, afirmou.

 Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Senador Canedo.


Fonte: Câmara Municipal de Senador Canedo


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG