Últimas Notícias


segunda-feira, 6 de abril de 2020

Caiado lança site com informações sobre recursos usados contra coronavírus

A ferramenta já está disponível e pode ser acessada através do Portal da Transparência do Estado de Goiás.


Foto: Júnior Guimarães



06/04/2020, 10h19



O governador Ronaldo Caiado lançou, nesta segunda-feira (6/4), duas novas ferramentas que viabilizam o acompanhamento por parte do cidadão goiano do combate executado pelo Estado ao novo coronavírus. Umas delas é um site contendo todas as informações sobre os recursos emergenciais usados no combate do coronavírus, que já está disponível no Portal da Transparência.
O governador havia anunciado as ferramentas através de seu Twitter no último domingo (5/4). A plataforma se chama Coronatransp e disponibiliza os recursos detalhados que têm sido empregados pelo Estado de Goiás no combate à proliferação do novo coronavírus, assim como o tratamento da doença causada por ele, a Covid-19.
Além do Coronatrans, Caiado também lançou o CoronaInfo, que é a plataforma que traz o detalhamento das ações da ouvidoria em relação ao coronavírus em Goiás, como reclamações e denúncias.
Ambas as ferramentas já foram lançadas e estão disponíveis para acesso através do site do Portal da Transparência do Estado de Goiás

Site lançado por Caiado informa como e quais valores foram despendidos contra o coronavírus

O Coronatransp (clique aqui para acessar), já disponível para acesso, é a plataforma que traz detalhes do que foi gasto, quanto e onde, em relação ao combate ao novo coronavírus.
A ferramenta oferece a opção de fazer a busca do objeto adquirido pelo Estado, a descrição dele, o órgão que fez a aquisição e o nome do credor. Há, ainda, disponível um quadro de rápido acesso informando a quantidade adquirida de itens que têm sido mais usados por profissionais de saúde e pela população, como máscaras descartáveis, álcool em gel e touca cirúrgica.
No último acesso ao Coronatransp feito pela reportagem do Dia Online, na manhã desta segunda-feira, constava a aquisição por parte do governo de Goiás de 116 mil itens ao todo de higiene e proteção, configurando o valor de R$ 59 milhões.


Via: Dia Online


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG