Últimas Notícias


segunda-feira, 13 de abril de 2020

Laboratórios da Agrodefesa mantêm todos os serviços essenciais durante a quarentena



A rotina de funcionamento e atendimento dos três laboratórios da Agência Goiana de Defesa Agropecuária - Agrodefesa foi alterada em função do período de emergência em saúde decorrente do avanço do Novo Coronavírus, mas todos os serviços essenciais foram mantidos, inclusive a realização de exames nos laboratórios. Alguns serviços não essenciais ou não prioritários foram suspensos para diminuir a circulação de pessoas e frear a disseminação da Covid-19 em Goiás.

Conforme orientação do presidente da Agrodefesa, José Essado, baseado nos decretos publicados pelo governador Ronaldo Caiado, foi instituído o regime de teletrabalho para alguns servidores enquadrados em grupos de risco, outros entraram no Regime de Desocupação Funcional por Calamidade Pública e os demais seguem trabalhando em sistema de rodízio, garantindo a realização dos exames prioritários nos laboratórios. Essa nova metodologia de trabalho foi adotada nas três unidades laboratoriais: Laboratório de Análise e Diagnóstico Veterinário – LabVet, o Laboratório de Controle de Qualidade de Alimentos – LabQuali e o Laboratório de Análise de Sementes e Classificação Vegetal – LabSem.

O gerente do LabVet, Rafael Vieira, fiscal estadual agropecuário médico veterinário, informa que o recebimento de amostras coletadas pelos fiscais da Agrodefesa nas ações de vigilância ativas e passivas de enfermidades como Febre Aftosa, Peste Suína Clássica, Raiva, Brucelose e amostras do programa de sanidade das aves e de sanidade dos equídeos continua normal. Vieira explica que o processamento dessas amostras é essencial para que o Estado não perca certificações conquistadas internacionalmente e também para que os produtores rurais consigam desinterditar com maior velocidade seus estabelecimentos quanto estes estiverem sob investigação em virtude de alguma doença. Outra ação imprescindível que está mantida se refere aos cuidados com os animais de laboratório, trabalho que é feito diariamente, até por questão de bem-estar dos mesmos.

LabQuali e LabSem


No LabQuali são realizadas as análises voltadas à verificação da segurança, qualidade físico-química e microbiológica de alimentos de origem animal e água de abastecimento, provenientes dos estabelecimentos e indústrias cadastradas no Serviço de Inspeção Estadual – SIE e no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal – SISBI/POA. O laboratório mantém as análises dos produtos colhidos pelos fiscais responsáveis pela inspeção periódica e permanente, assim como o atendimento às denúncias ou suspeitas de fraudes e contaminações.

Conforme a gerente Pryscilla Gonçalves, fiscal estadual agropecuária médica veterinária, a atuação do LabQuali representa uma das etapas fundamentais no serviço de inspeção no Estado de Goiás, seja na contribuição com as ações de fiscalização e inspeção da Agrodefesa, seja na proteção à saúde pública, por assegurar a qualidade dos alimentos de origem animal e a confiabilidade, pela sociedade, nos produtos comercializados.

No LabSem, a gerente Anna Carla Luccas, fiscal estadual agropecuária engenheira agrônoma, informa que o recebimento de amostras de sementes coletadas pelos fiscais da Agrodefesa e de agências de outros Estados, os quais terceirizam os serviços do Laboratório Oficial de Análises de Sementes, permanecem dentro da normalidade, visto que muitas amostras chegam via Correios, que estão funcionando com contingente reduzido, mas ainda assim entregando as amostras.

Ana Carla destaca também que a função do laboratório é garantir apoio à fiscalização vegetal, na verificação da qualidade dos lotes de sementes comercializados em Goiás e em outros Estados, possibilitando que o campo continue produzindo alimentos de qualidade e em quantidade mesmo no período de pandemia.

Os gerentes das três unidades laboratoriais da Agrodefesa orientam os usuários desses serviços no sentido de que, se ainda tiverem dúvidas sobre quais foram suspensos e quais estão mantidos, entrem em contato com as unidades utilizando telefone e e-mail, quais sejam: LabVet - 32012318 e labvet@agrodefesa.go.gov.br, LabQuali – 3201-2323 e labquali@agrodefesa.go.gov.br e LabSem – 3249- 1519  e labsem@agrodefesa.go.gov.br

Mais informações: (62) 3201-3546



Via: Governo de Goiás

fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG