Últimas Notícias


sexta-feira, 3 de abril de 2020

Secretaria de Saúde recomenda prorrogação da quarentena em Goiás

A pasta sugere a interrupção das atividades comerciais não essenciais por mais 15 dias, e a suspensão das aulas, em todos os níveis educacionais, por mais 60 dias.


Foto: Reprodução



03/04/2020, 09h54


A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) publicou, na manhã desta sexta-feira (3/4), uma nota técnica em que recomenda a prorrogação da quarentena em Goiás, em razão da pandemia do novo coronavírus. A pasta sugere a interrupção das atividades comerciais não essenciais por mais 15 dias, e a suspensão das aulas, em todos os níveis educacionais, por mais 60 dias.
Segundo a nota técnica, estabelecimentos abertos ao público que envolvam aglomeração de pessoas devem permanecer fechados por mais 15 dias. São eles: bares, restaurantes, lojas de conveniências, distribuidoras de bebidas, à exceção das atividades em modalidade delivery, shoppings centers, cinemas, feiras populares, camelódromos, clubes recreativos,academias, exposições, teatros, museus, boates e casas noturnas, bem como eventos em áreas comuns de condomínios.
As medidas não abrangendo farmácias, supermercados, padarias, feiras de alimentos e congêneres.
A nota ainda especifica a recomendação da prorrogação da interrupção das atividades educacionais presenciais em todas as escolas, faculdades e universidades, das redes de ensino pública e privada, pelo período de 60 dias, a partir de 05/4.

Por fim, o documento recomenda a programação para reinício das atividades do setor produtivo de forma escalonada e gradual, em plataforma validada pela autoridade sanitária, após expiração do decreto governamental que determina o isolamento social.

Decreto de Caiado a ser publicado deve acatar recomendações da Secretaria de Saúde de prorrogação da quarentena em Goiás

Vale ressaltar que o documento publicado pela Secretaria de Saúde é uma nota técnica com recomendações. O novo decreto do governador, que deve se embasar na nota, deve ser publicado ainda nesta sexta-feira.
O decreto que impôs a quarentena no estado, o que inclui medidas de isolamento social e restrição do fluxo de pessoas, tem validade oficial até o dia 4 de abril, sábado. Apesar de informações da assessoria do governador darem conta de que ainda não há previsão de divulgação do decreto, foi apurado pelo Dia Online que ele deve ser anunciado nesta sexta-feira (3/4).
A expectativa do empresariado era que o novo decreto afrouxasse as regras referentes ao fechamento do comércio, e flexibilizasse o fluxo de pessoas. Porém, conforme adiantado anteriormente pelo governador, as novas medidas dependerão da progressão do novo coronavírus dentro do estado.


Via: Dia Online

fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG