Últimas Notícias


segunda-feira, 11 de maio de 2020

Empresas do setor de alimentos buscam áreas da Codego para construir novas fábricas

Com novas instalações em terrenos administrados pelo Governo de Goiás na região metropolitana de Goiânia,  a expectativa é de que pelo menos 100 novos empregos diretos sejam gerados.




Com a demanda crescente pelos produtos da confeitaria Mariana Perdomo e da Disquinho Alimentos, as empresas goianas pretendem ampliar a sua capacidade produtiva com a instalação de novas fábricas em Goiás. As empresárias Mariana Perdomo e Ariane Ganzerli se reuniram nesta segunda-feira, dia 11, com o presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego), Marcos Cabral, para solicitar terrenos em distritos administrados pelo Estado na região metropolitana de Goiânia.

Cada empreendimento necessita de aproximadamente dois mil metros quadrados de área para construir a unidade fabril. Com a ampliação, a expectativa é de que pelo menos 100 novos empregos diretos sejam gerados.

“Muitas pessoas não sabem, mas temos uma fábrica no setor Parque Amazônia, onde alugamos o espaço, e produzimos para as nossas lojas. Mas o local já não nos atende mais e precisamos ampliar a nossa produção em um lugar mais adequado”, detalhou Mariana Perdomo.

Diretora da Disquinho Alimentos, Ariane Ganzerli ressaltou que a infraestrutura oferecida, próxima de outras grandes empresas e de rodovias estaduais e federais, e já com linhas de ônibus que atendem aos distritos são diferenciais oferecidos pela Codego.

“É importante para nós essa proximidade com a capital, porque trabalhamos com produtos congelados e refrigerados. Essa logística para as nossas lojas é essencial, inclusive para o nosso trabalhador”, explicou.

Na reunião, ao lado do vereador Welington Peixoto, Marcos Cabral destacou que a Companhia possui distritos em Aparecida de Goiânia, Senador Canedo e Goianira na região metropolitana da capital com áreas que atendem às expectativas das empresárias.

“É importante oferecer condições para que empresas goianas também evoluam. As empresárias entrarão com a documentação para requisitar áreas da Codego e seguirão os trâmites legais. Temos seguido orientação do governador Ronaldo Caiado e trabalhado para oferecer a melhor infraestrutura para os empreendimento, focando na geração de novos empregos para o Estado”, destacou.

A Codego é uma empresa de economia mista sob controle acionário do Estado e tem por objetivo a promoção do desenvolvimento econômico mediante o desempenho de atividades de fomento para diversificação da economia, geração de empregos e renda e preservação do meio ambiente.

Mais informações: (62) 3604-1315 ou 1309

Comunicação Codego


Via: Governo de Goiás


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG