Últimas Notícias


segunda-feira, 22 de junho de 2020

A pedido do governador, Caixa Econômica disponibiliza carência de seis meses para consignados

Medida vai beneficiar cerca de 50 mil servidores públicos estaduais que contraíram empréstimo com a instituição financeira



Em atendimento à solicitação feita pelo governador Ronaldo Caiado, a Caixa Econômica Federal decidiu autorizar novas contratações e renovações de contratos consignados com até seis meses de carência para servidores públicos estaduais. O pedido, que deve beneficiar cerca de 50 mil pessoas em todo o Estado, foi feito pelo governador, há cerca de um mês, durante videoconferência com diretores da instituição financeira.

A iniciativa do Governo Estadual busca amenizar os efeitos causados pela crise gerada pela pandemia do coronavírus no Estado. Ao fazer o pedido à Caixa Econômica, o governador argumentou que “Goiás é o maior cliente da Caixa no País”. “Expliquei que entendessem a necessidade daqueles que não têm como, nesse momento, pagar a parcela do consignado”, disse na ocasião.

Em resposta, a Caixa Econômica disponibilizou, a partir desta quarta-feira, dia 17, o benefício para novos contratos e para repactuação dos contratos existentes. Para se habilitar, o servidor pode manifestar a intenção no portal de averbação da Neoconsig. Após a manifestação, a Caixa entrará em contato com o servidor por meio de comunicação do cadastro do servidor junto à instituição.

Todos os servidores estaduais com empréstimos consignados com a Caixa estão em dia, ao contrário do que ocorria em 2019, quando milhares estavam inadimplentes, alguns, inclusive, com o nome no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). “Havia o desconto na folha do funcionário público, mas a gestão anterior não pagava a Caixa. Pagamos todos para trás e nunca atrasamos um dia no consignado”, afirmou o governador, Ronaldo Caiado.

Veja aqui como solicitar a carência de cobrança do consignado na Caixa


Via: Governo de Goiás


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG