Últimas Notícias


terça-feira, 2 de junho de 2020

Estado trabalha para melhorar sanidade animal dos rebanhos



A Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), órgão do Governo de Goiás, está atenta e empenhada na prevenção e controle de doenças nos rebanhos goianos, com foco na melhoria da sanidade animal em todos os segmentos pecuários.

Com esse objetivo, o presidente José Essado  entregou nesta terça-feira, dia 2,  12 kits de materiais e equipamentos de proteção individual para serem utilizados em programas de diagnóstico, prevenção e controle de doenças como brucelose, tuberculose, raiva dos herbívoros e Anemia Infecciosa Equina – AIE, além de outras com importância sanitária e econômica para o Estado.

Os kits, que somam investimentos de R$ 87 mil, foram adquiridos com recursos provenientes do convênio da Agrodefesa com Fundo para o Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec). A entrega simbólica dos equipamentos ocorreu na sede da Agência em Goiânia. O coordenador da Unidade Regional Rio das Antas em Anápolis, Renan Willian Martins de Abreu, representou os coordenadores das outras 11 Unidades Regionais.

José Essado observou que a Agrodefesa dá mais um passo no cumprimento das orientações do governador Ronaldo Caiado, de melhorar todos os serviços voltados ao atendimento aos produtores rurais, o que inclui também modernizar os programas de sanidade animal.

Equipamentos

Os kits sanitários repassados às Regionais da Agrodefesa são compostos por materiais e equipamentos como macacões de proteção, luvas, caixas de isopor, bombas costais, marcas em ferro para identificar animais que testarem positivos para brucelose, tuberculose e raiva. E mais: seringas, lâminas, agulhas, tubos para coleta de sangue, tubos para coletas de materiais de amostras biológicas, óculos de segurança, respirador/purificador de ar, capacetes, puça (equipamento para captura de morcegos), pasta vampiricida, desinfetante tipo Vircon, lanterna para cabeça e muitos outros.

Os equipamentos serão repassados a todas as Regionais ao longo desta semana para serem utilizados pelos profissionais da Agrodefesa em todas as regiões do Estado, seja de forma preventiva seja no atendimento de pecuaristas que identificarem quaisquer sintomas ou anomalias nos rebanhos e comunicarem os problemas às unidades da Agência.

                                     

Assessoria de Comunicação – 3201-3546


Via: Governo de Goiás


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG