Últimas Notícias


segunda-feira, 22 de junho de 2020

Medidas de controle de gastos promovem economia de até 84% no Ipasgo

Seguindo as determinações do governador Ronaldo Caiado, gestão do plano de assistência adota consumo consciente e reduz custos



Os gastos administrativos dentro do Instituto de Assistência aos Servidores do Estado de Goiás (Ipasgo) caíram até 84% entre os anos de 2018 e 2019, em relação às despesas com diárias, publicações e materiais de expediente, limpeza e manutenção e reparos de bens imóveis. A economia é reflexo das medidas de contenção e otimização dos custos internos aplicadas pela nova gestão do órgão.

Em apenas um ano, a redução dos custos gerou, ao total, um impacto positivo de R$ 444,06 mil. Somente com diárias no Estado os gastos saíram de R$ 185 mil, em 2018; para R$ 20 mil, em 2019. O que representou uma redução de 84%. Em relação aos combustíveis automotivos a queda foi de 36% para os gastos com diesel, que saiu de R$ 31,4 mil para R$ 20,1 mil; e de 12% para álcool, com uma reduçaõ de R$ 52,1 mil para R$ 45,9 mil.

O consumo de materiais de expediente foi otimizado e as despesas reduzidas em 52%, saindo de R$ 38, 9 mil para R$ 18,9 mil. O mesmo ocorreu com os materiais limpeza e produtos de higienização cujos gastos caíram 67%, saindo de R$ 87,6 mil, em 2018; para R$ 28,5 mil no ano passado. Os materiais para manutenção, reparos e conservação de bens imóveis também registraram redução. Os valores aplicados saíram de R$ 42 mil para R$ 20,5 mil no ano passado, o que representou uma economia de 51%.

O presidente do Ipasgo, Sílvio Fernandes, afirma que a estratégia desta atual gestão é atuar com mais transparência e controle, conforme as orientações do governador Ronaldo Caiado. Desde 2019, a nova gestão do plano de assistência tem realizado a revisão de contratos, acordos e convênios e vem promovendo medidas de economia. “Essas ações estão proporcionando uma melhor aplicação dos recursos públicos. Com as revisões dos contratos e acordos alcançamos uma economia média de R$ 50 milhões no ano passado. Incentivamos o consumo consciente em nosso dia a dia e estamos registrando uma redução crescente nos custos administrativos em diversas áreas”.

Comunicação Ipasgo - Governo de Goiás


Via: Governo de Goiás


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG