Últimas Notícias


terça-feira, 23 de junho de 2020

Novos equipamentos reforçam atendimento do HCamp de Porangatu

Ação conjunta do Governo de Goiás e Ahpaceg enviou monitores multiparamétricos, ventiladores pulmonares e camas hospitalares



O Hospital de Campanha (HCamp) de Porangatu, no norte goiano, recebeu uma série de equipamentos para reforçar a assistência das vítimas da doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19). O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), enviou dez monitores multiparamétricos para aferição dos sinais vitais das pessoas internadas na unidade. Já a Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade do Estado de Goiás (Ahpaceg) doou 40 camas hospitalares e disponibilizou cinco ventiladores pulmonares. Tais itens são fundamentais para estruturação de novos leitos para pacientes graves no local.

Após reunião com a Ahpaceg em maio deste ano, o governador Ronaldo Caiado anunciou em uma rede social a parceria com a instituição que representa os hospitais privados. "Conversa produtiva onde expliquei que Goiás sofreu nos últimos 20 anos sem a regionalização da saúde. E que um paciente tem ainda mais chances de sobreviver se não for jogado dentro de uma ambulância para percorrer centenas de quilômetros em busca de um atendimento médico. Eles vão doar 40 camas para o Hospital de Porangatu, onde fizemos um convênio com a Prefeitura para tratarmos vítimas do coronavírus", adiantou o governador.

“Essa união entre empresários e Governo contribui para que o Estado enfrente a pandemia de Covid-19 com mais força”, agradeceu o secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino. Com as doações, a assistência aos pacientes com a Covid-19 será ampliada, já que o HCamp de Porangatu pode chegar a um total de 24 leitos para pacientes críticos e 31 enfermarias. A unidade iniciou os atendimentos com dez Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), as primeiras da rede pública de saúde do norte goiano.

“Ao ajudar Porangatu, a entidade ajuda todo o Estado e o povo goiano, contribuindo para o fortalecimento da interiorização do atendimento e evitando que pacientes tenham que buscar assistência em Goiânia”, frisou o presidente da Ahpaceg, Haikal Helou. A doação das camas representa mais uma das etapas do Programa de Apoio ao Hcamp de Porangatu, desenvolvido pela Ahpaceg.

A secretária municipal de Saúde de Porangatu, Carla Marques, também destacou a importância da doação. “A população de Porangatu e de todos os municípios do Norte Goiano terão mais conforto no tratamento da Covid-19. Com certeza, os equipamentos recebidos irão contribuir para melhorar, mais ainda, o atendimento no nosso HCamp", disse.

Parcerias

A definição dos equipamentos enviados pela Ahpaceg partiu de um diagnóstico das necessidades do HCamp, identificado a partir de um plano  de ação elaborado pela instituição após visita na unidade. Os cinco ventiladores pulmonares ficarão à disposição do hospital por seis meses, prazo que poderá ser renovado. Durante esse período, a Ahpaceg ficará responsável também pela manutenção dos equipamentos.

O projeto elaborado pela entidade para levar apoio e ampliar o atendimento a pacientes com a Covid-19 em Porangatu e região incluiu ainda a capacitação de profissionais de saúde do HCamp e de unidades de cidades vizinhas. Em maio deste ano, o governador Ronaldo Caiado anunciou uma parceria com a UniEvangélica, de Anápolis, para a realização de cursos e treinamentos. A instituição disponibilizou a atividade, que foi realizada em parceria com a superintendência da Escola de Saúde de Goiás da SES-GO. A programação conta com simulação realística de atendimentos. A atividade também foi importante para formar multiplicadores para a capacitação de mais profissionais de saúde.

HCamp

Em funcionamento desde o início de junho deste ano, o HCamp de Porangatu é resultado de uma parceria do Governo de Goiás com a Prefeitura Municipal. A unidade responsável pelo atendimento de Covid- 19 dos moradores da cidade e municípios da região norte do Estado, representando uma população de cerca de 1 milhão de pessoas.

A unidade, que funciona no prédio do Hospital Municipal, recebe custeio de verbas estaduais por meio da parceria entre os dois entes. Uma portaria de repasse fundo a fundo garante a transferência de R$ 4,1 milhões para o município, durante seis meses, ou seja, R$ 684,3 mil mensais. Uma portaria do governo federal, por meio do Ministério da Saúde, também garante custeio para a habilitação de leitos de UTI para atendimento exclusivo de pacientes com a Covid-19.

Comunicação Setorial da SES-GO


Via: Governo de Goiás


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG