Últimas Notícias


segunda-feira, 8 de junho de 2020

Rodney Miranda pede afastamento da SSP-GO após acusações, diz governo

Ele deixa o cargo para "esclarecer todas as denúncias feitas contra ele". Em áudio vazado, Jorge Caiado, primo do governador de Goiás, acusa Rodney de grampos ilegais e desvio de recursos públicos.

Foto: Reprodução/SSP-GO



08/06/2020, 10h37



O secretário da Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, pediu afastamento do cargo após o vazamento de um áudio de Jorge Caiado, primo do governador Ronaldo Caiado (DEM), com acusações contra ele. De acordo com nota do Governo de Goiás, divulgada na manhã desta segunda-feira (8/6), ele deixa o cargo para esclarecer todas as denúncias.
Ainda conforme o texto, o Superintendente de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado, delegado Alexandre Lourenço, assumirá interinamente a chefia da SSP-GO. Leia o comunicado na íntegra:
O secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, pediu afastamento do cargo para esclarecer todas as denúncias feitas contra ele. Assume interinamente o Superintendente de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado, delegado Alexandre Lourenço. O processo já está instaurado na Polícia Civil e terá o acompanhamento do Ministério Público e da Controladoria-Geral do Estado de Goiás.


Acusações contra Rodney Miranda

Na última semana, em um áudio vazado, Jorge Caiado, primo do governador de Goiás, acusa Rodney Miranda de ter grampeado seu telefone e de ter desviado verba pública. O, até então, secretário de Segurana Pública, chegou a ser convocado na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) para se explicar.
A polêmica teve início na última semana. Na mensagem, Jorge Caiado diz que o secretário da SSP-GO teria desviado o valor de R$ 1 milhão do Corpo de Bombeiros. Além disso, Jorge diz ainda que Rodney teria grampeado seu telefone ilegalmente para investigá-lo.
Veja trechos transcritos do conteúdo do áudio abaixo:
“O senhor tem que largar de ser cabra safado, sem vergonha. Você não vem querer grampear telefone meu, não sou bandido, sou homem de respeito, seu f* da p*. Você está querendo explodir o governo do Ronaldo Caiado, entendeu? Eu não admito, não aceito. Eu te quebro sua cara, seu moleque safado. Você que pegou dinheiro aí do governo, R$ 1 milhão do Bombeiro, seu moleque safado. Você é frouxo, covarde. Marca o lugar que você quer ir”.
A nota oficial do afastamento de Rodney Miranda, que é delegado da Polícia Federal aposentado, foi divulgado na manhã desta segunda-feira (8/6).


Via: Dia Online


fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG