Últimas Notícias


sábado, 13 de março de 2021

Goiânia deve prolongar lockdown por mais 14 dias, diz prefeito

Rogério Cruz (Republicanos) afirmou em reunião com gestores da região metropolitana que acompanhará decreto estadual na íntegra


Rogério Cruz (Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás)


Goiânia deve acompanhar as determinações do governo do estado no que diz respeito a medidas restritivas contra a Covid-19 e prorrogar restrições por 14 dias. Foi o que afirmou o prefeito Rogério Cruz (Republicanos) durante reunião virtual realizada neste sábado com os gestores da região metropolitana da capital.


Durante o encontro, Rogério Cruz ressaltou que será necessário endurecer as medidas contra a Covid-19 e destacou que somente a abertura de novos leitos não será o suficiente para conter a crise. “Compreendemos a gravidade do momento em que Goiânia e Goiás vivem mas, como eu tenho dito, a simples abertura de leitos não é garantia de sobrevivência. Estamos empenhados em vencer esta pandemia com a participação de todos”


O encontro contou também com a presença do secretário de Governo, Andrey Azeredo. Na ocasião, ele adiantou algumas medidas que devem ser implementadas a partir da próxima segunda (15). Entre elas estão a volta do atendimento em sistema Drive Thru e pegue e leve em bares e restaurantes, além da venda exclusiva de produtos alimentícios e de limpeza em supermercados, fechamento das lojas de conveniências, e o funcionamento de igrejas apenas para atendimentos individuais, sem a realização de missas ou cultos.


O secretário de saúde do município, Durval Pedroso, também esteve presente na reunião e afirmou que a prefeitura já conta com 350 pessoas credenciadas para trabalhar na saúde. Apesar disso, alertou para a gravidade da situação.


“A situação é calamitosa, enfrentamos dificuldade em vagas, uma vez que existe limite físico e humano para abertura de leitos.”


Fonte: Mais Goiás



fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG