Últimas Notícias


segunda-feira, 15 de março de 2021

Prefeito de Aparecida e presidente da Fecomércio dialogam sobre escalonamento regional para o comércio


O prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, em live na manhã desta segunda-feira, 15, com o presidente da Federação do Comércio do Estado de Goiás, Marcelo Baiocchi, comentou da retomada do isolamento social intermitente por escalonamento regional no município.


Entre os meses de junho e agosto do ano passado, a medida obteve a adesão de 98% da população para conter o avanço da pandemia e apresentou resultado favorável, como na redução dos índices de contaminação, internações e mortes por Covid-19.


O prefeito pontuou que o escalonamento, por macrozona, propõe o exercício de atividades econômicas de forma responsável associadas as medidas restritivas para impedir a disseminação do novo coronavírus. “Sei da importância de mantermos as atividades econômicas, a permanência dos empregos, mas sei também da nossa responsabilidade de impedir o avanço da pandemia em Aparecida”, disse Gustavo ao acrescentar que a qualquer momento outras medidas poderão ser tomadas pelo Comitê de Prevenção e Enfrentamento a COVID-19.


O presidente da Fecomércio, Marcelo Baiocchi, afirmou que o enfrentamento a pandemia exige compreensão e responsabilidade. “O empresário precisa atender as recomendações para funcionários e clientes. Toda atividade é possível funcionar, desde que todos cumpram com responsabilidade as restrições de acesso, protocolos sanitários e higienização do ambiente de trabalho”, afirmou.


Baiocchi acrescentou que Aparecida de Goiânia tem também um modelo exemplar de flexibilização das atividades econômicas. “Eu vejo o seu empenho, prefeito Gustavo, em manter as atividades econômicas da cidade e que os empresários e comerciantes de Aparecida estão diretamente envolvidos no cumprimento das regras. Sua administração é modelo para o Brasil”. Ao finalizar, Gustavo Mendanha pediu apoio do presidente da Fecomércio na conscientização do empresário. “Você é uma voz dentro do empresariado para ajudar no cumprimento das regras”, disse.


Texto: Rafael Freitas


Fonte: Prefeitura de Aparecida de Goiânia

 

fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG