Últimas Notícias


sábado, 13 de março de 2021

Seinfra apresenta panorama dos primeiros meses de gestão

Secretário Luiz Bittencourt participou de reunião online com membros da Fieg e explicou que objetivo do prefeito Rogério Cruz é concluir todas as obras iniciadas na gestão passada




O secretário de Infraestrutura de Goiânia, Luiz Bittencourt, participou de reunião virtual com o colegiado do Conselho Temático de Infraestrutura (Coinfra) da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), liderado pelo empresário Célio Eustáquio de Moura. Na oportunidade, apresentou o trabalho que está sendo desenvolvido pela pasta desde que assumiu o cargo, em janeiro deste ano.


Segundo ele, o prefeito Rogério Cruz determinou que todas as obras em andamento na gestão anterior pudessem ser concluídas no menor prazo de tempo possível. "É o que estamos fazendo” informou Bittencourt, que relembrou a perda do prefeito Maguito Vilela. “Nós enfrentamos um trauma muito forte. Mas o prefeito Rogério Cruz tem demonstrado sensibilidade enorme, e uma capacidade de diálogo e de trabalho. Um desejo de fazer com que o programa de governo seja totalmente cumprido”, explicou.


Com projetos estruturantes e um grande volume de obras importantes por toda a cidade, Bittencourt listou as prioridades da Seinfra: BRT Norte-Sul, os viadutos da Jamel Cecílio e da Enel, a Praça do Trabalhador, a Avenida Leste-Oeste, o projeto de recapeamento 630 Km para recuperação de vias, a finalização de oito Cmeis (Centros Municipais de Educação Infantil), e a pavimentação asfáltica em 21 bairros.


“São obras que têm grande interferência na vida da cidade, que causam inúmeros transtornos, desconforto, mas depois de concluídas vão resultar também em inúmeros benefícios”, disse.


Bittencourt apresenta panorama das obras aos membros da Fieg


Entenda um pouco sobre cada obra:


BRT Norte-Sul

O planejamento da Seinfra é que o trecho 2, do Terminal Recanto do Bosque ao Terminal Isidória, que já está com 75% das obras executadas, seja concluído até meados de setembro. Já o trecho 1, entre os terminais Isidória e terminal Cruzeiro do Sul, em Aparecida, ainda conta com entraves burocráticos e ajustes de projeto.

“Caso estas pendências sejam resolvidas em breve espaço de tempo, poderemos concluir o BRT no trecho 1 até o início de 2022. Assim a funcionalidade operacional do BRT Goiânia vai ser assegurada e nós vamos ter o sistema circulando e operando normalmente”, garantiu o secretário.


Viaduto da Jamel Cecílio

É um viaduto em três níveis, sendo que a parte superior já foi inaugurada e entregue, e as outras duas etapas ainda estão em fase de implantação: a rotatória na altura da Avenida Leopoldo de Bulhões e a conclusão da perna da Marginal Botafogo Sul-Norte. “Eu acredito que entre julho e setembro essas obras sejam totalmente concluídas. Havia ainda algumas pendências de adequação de projeto, mas isso está sendo resolvido.”


Avenida Leste-Oeste

“A Avenida Leste-Oeste está funcionando em pequenos trechos, mas fazendo apenas ligações entre alguns bairros. Ela não cumpre ainda o papel de principal via expressa ligando Senador Canedo a Trindade. A via está fragmentada em vários trechos executados, mas nenhum deles tem funcionalidade absoluta. Todos enfrentando problemas de acesso, interligações com bairros e um conjunto enorme de entraves”, explicou Bittencourt.


Viaduto da Enel

A falta de aço no mercado atrasou a entrega das vigas encomendadas para a obra. “A Enel demorou a fazer a remoção de uma rede de energia elétrica que passava no local e também existe um conjunto de adutoras da Saneago, que passam muito próximas ao apoio das vigas de aço do viaduto, mas isso já foi superado. Estamos avançando com as soluções dos obstáculos da obra para o momento de instalação das vigas sobre a BR-153 e a concretagem do tabuleiro do viaduto para que possamos efetivamente concluir essa obra e entregar para a população. Ela deve ser inaugurada entre o final de maio e o início do mês de junho”, afirmou o secretário.


Pavimentação de 21 bairros

São projetos de pavimentação em diversos bairros da cidade, sendo que a maioria dessas obras está em torno de 30% a 50% executadas, mas há a necessidade de fazer uma interação com os projetos de drenagem. “Estamos esperando o fim do período chuvoso para acelerar, porque obras de drenagem e de pavimentação asfáltica não combinam com chuvas. Então, essas obras estão meio paralisadas, mas estamos aproveitando para fazer as adequações e alterações administrativas/burocráticas. É nossa meta", esclareceu.


Reconstrução asfáltica de 630 km

O secretário também falou sobre o projeto de reconstrução e recuperação de vias. “São 630 km previstos no contrato com duas construtoras atuando. Essa obra tem avançado bem. A parte relacionada ao recapeamento em CBUQ, evolui rapidamente, trabalhando praticamente 24 horas por dia” explicou.


Segundo ele, a atual gestão recebeu esta obra com 2,5 milhões de metros quadrados de asfalto realizados, e ainda faltam 5 milhões de metros quadrados para realizar. "Tudo deve ser feito até no máximo o início de 2022. A intenção é concluir toda essa obra de recuperação, rejuvenescimento, requalificação do asfalto antigo de Goiânia nesses próximos 10 meses. Já estamos fazendo o levantamento de novas vias em bairros que deverão ser contempladas com o projeto asfalto novo”, comentou o gestor.


Praça do Trabalhador

A previsão é que este espaço totalmente remodelado e revitalizado seja entregue a população, aos visitantes e aos feirantes até final de maio. “Superamos todos os entraves que existiam para dar prosseguimento nesta obra e concluí-la em breve”, garantiu.


Cmeis

Ao todo são dez unidades, 2 Cmeis com obras iniciando e 8 Cmeis com cronograma entre 50% a 70% de obras executadas, "mas estamos meio trancados pela burocracia, precisamos destravar e ajustar soluções". Segundo ele, há ainda 25 Cmeis prontos para serem licitados, que devem possibilitar a criação de mais 7.500 vagas na rede municipal de ensino. "O objetivo é alcançar e suprir toda demanda exigida pelo crescimento demográfico do município, que é em torno de 2,7%, um dos maiores do país, para matrícula e colocação das crianças em sala de aula nestes centros de ensino.”


Obras futuras

Após concluir as obras iniciadas pela gestão anterior, Bittencourt disse que vai começar a colocar em prática os projetos idealizados pela administração Rogério Cruz. “Serão construídas 15 mil casas através de um sistema de parceria, a implementação do programa Pequenas Obras e Grandes Soluções, com obras de baixo custo, mas com grande capacidade de impactar a vida das pessoas e o projeto Conexões Urbanas, que prevê a construção de 100 pontes, interligando bairros em diversas regiões de Goiânia”, contou o secretário.


A tecnologia é a base de um grande projeto da gestão Rogério Cruz, como explicou o titular da Seinfra. “Com o Goiânia Cidade Inteligente, nós queremos que a capital possa se destacar também como uma cidade que se apropria e utiliza das plataformas tecnológicas para proporcionar melhoria de qualidade de vida para a população.”


Ele explicou aos empresários que a Prefeitura de Goiânia também tem planos para modernização e transparência da administração pública. Já tendo sido divulgada a proposta de criação de um aplicativo para celular em que qualquer cidadão possa saber do andamento das obras da prefeitura, com cláusulas contratuais, cronograma de execução física das obras, pagamentos as empresas, acompanhamento físico e financeiro, acompanhamento fotográfico etc.


“Nas obras de grande porte, por exemplo, podemos colocar as câmeras e acompanhar 24 horas por dia o que está acontecendo lá. Acredito que até o meio do ano todas as nossas obras em andamento, cerca de 90, vão estar neste aplicativo e qualquer pessoa vai poder fazer o acompanhamento e evolução de cada uma. Isso é transparência, controle. Assim, a população poderá fiscalizar e ter acesso as informações de cada obra, e nós vamos prestando contas, da melhor maneira possível, daquilo que estamos fazendo”, explanou Bittencourt.


Por fim, o secretário recebeu elogios pelo trabalho desenvolvido à frente da pasta, além de conselhos e propostas de parcerias. Ele finalizou colocando a secretaria à disposição para fazer de Goiânia uma cidade melhor.


“Nosso propósito é conversar, dialogar com todos, população, imprensa, Câmara Municipal, segmentos organizados, universidades, lideranças, dialogar com todo mundo para errar o menos possível. Quanto mais você conversa, menos você erra, encontrando boas soluções e dividindo responsabilidades. Todos ganham. Não é inventar a roda, é saber usar a roda que já existe".


Segundo Bittencourt, a orientação do prefeito Rogério Cruz é fazer mais e melhor por Goiânia. Queremos a prefeitura na porta da sua casa 24 horas por dia. “A equipe Seinfra em Ação está motivada, preparada e empenhada para cumprir esta missão.”


--

Juan Meloni, da editoria de Infraestrutura



Fonte: Prefeitura de Goiânia



fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG fixImgOG